Escola Inocêncio Prates Chaves é destaque municipal do PVE

A comunidade  

 
19/11/2018 17:38

Escola Inocêncio Prates Chaves é destaque municipal do PVE
Professoras Fabiane Borba e Raquel Teixeira com a estudante Kailane Marques.

O projeto “Depressão: a deriva química e emocional no nosso cérebro”, elaborado por alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Inocêncio Prates Chaves, é o destaque municipal do Desafio Criativos da Escola de 2018. O resultado foi anunciado no último domingo em atividade aberta à comunidade em Caçapava do Sul. A praça em frente à Biblioteca Pública Municipal ficou repleta de livros e histórias durante o encontro de encerramento do 4º Ciclo do Parceria Votorantim pela Educação (PVE), programa desenvolvido pela Nexa Resources (ex-Votorantim Metais) e Instituto Votorantim, em conjunto com a Secretaria da Educação (Seduc) e o Instituto Alana. O desafio Criativos da Escola busca fomentar o protagonismo de crianças e jovens, por meio de soluções criativas, para problemas cotidianos das escolas e da comunidade. Nesta terceira edição, oito projetos participaram do concurso.

O projeto vencedor levou para dentro da escola o debate sobre a depressão, uma doença que atinge cada vez mais a população mundial. A ideia surgiu de alunos que, atentos ao comportamento dos colegas, perceberam que alguns viviam isolados. A estudante Kailane Marques (15 anos), que pretende cursar psicologia, explica que a intenção foi a de quebrar o tabu sobre o tema. Durante o ano letivo, foram realizadas rodas de conversas com as turmas do sexto ao nono ano, sem a presença dos professores, para que os adolescentes se sentissem mais à vontade para falar.

Os idealizadores do projeto foram além das rodas de conversas e de pesquisas. Convidaram uma psicóloga para ir até a sala de aula esclarecer dúvidas dos estudantes, e reforçar a importância da ajuda profissional quando os sintomas depressivos permanecem. Pensando nos colegas que não se sentiam confortáveis para se expor, eles divulgaram o número 188 do Centro de Valorização da Vida (CVV). O serviço de apoio atende 24 horas todos os dias, gratuitamente.

Os vencedores do Desafio Criativos da Escola receberão R$ 500,00 para celebrar ou investir no trabalho apresentado. Já as duas educadoras envolvidas ganharão R$ 500,00, para aprimorar sua formação profissional. A estudante Kailane afirmou, emocionada, durante a premiação, que o dinheiro será usado para melhorar o projeto, desenvolvendo outras ferramentas. “É o primeiro passo para um trabalho que pode salvar a vida de outras pessoas”, reflete. A professora Fabiane Borba destaca a importância da discussão deste tema em sala de aula. “O corpo e a mente formam um organismo só, nosso sistema funciona em conjunto, precisamos levar em conta as emoções dos alunos” explicou.

O tema nacional do PVE neste ano é “Gestão com Foco na Aprendizagem” e busca apoiar os gestores na análise de resultados e qualificação das rotinas de acompanhamento e formação, para que os alunos tenham melhor rendimento de aprendizado e no tempo certo. A coordenadora pedagógica da Secretaria da Educação do município, Gislaine Huerta, acrescenta que atividades como esta contribuem para o aprendizado que vai além dos muros da escola. Ela aponta que ao participar de eventos que promovem a leitura, os alunos são incentivados a essa prática. “Ler ajuda a desenvolver o senso crítico, faz repensar, abre os horizontes”.

Maristela Souza, mãe do estudante Gabriel Dias (12), se orgulha ao falar do hobby do filho, que lê cerca de cinco livros por mês. O garoto, que sonha em fazer medicina, desde pequeno demonstrou interesse pela leitura. “Se tivesse que escolher entre livro ou chocolate, o livro sempre vencia”, relembra sorrindo.

Sobre o PVE 

O programa é desenvolvido pelo Instituto Votorantim desde 2008, em alinhamento às prioridades do Ministério da Educação (MEC) e possui impacto positivo comprovado sobre o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Também possibilita o fortalecimento da cultura de formação continuada de profissionais de Educação. Em 2018, ano do centenário do Grupo Votorantim, o programa está presente em mais de 100 municípios de 17 estados brasileiros.

Sobre a Nexa

A Nexa possui em Minas do Camaquã um projeto de lavra e beneficiamento de zinco, cobre e chumbo, denominado Projeto Caçapava do Sul. O empreendimento está em licenciamento ambiental, com o Estudo de Impacto Ambiental (EIA-Rima) em análise pela Fepam.

A Nexa Resources é uma produtora de zinco com mais de 60 anos de experiência no desenvolvimento e operação de ativos de mineração e metalurgia na América Latina. A empresa possui cinco minas subterrâneas, três localizadas nos Andes centrais do Peru e duas localizadas no estado de Minas Gerais no Brasil.  Duas das minas da Companhia, Cerro Lindo, no Peru, e Vazante, no Brasil, estão entre as 12 maiores minas de zinco do mundo. Para mais detalhes, acesse www.nexaresources.com.